Reflexões de Fim de Ano

: Function split() is deprecated in /home/monitori/public_html/forum/sites/all/modules/advanced_forum/advanced_forum.module on line 320.
mrlopes
imagem de mrlopes
Posts: 114
Joined: 2008-09-12
User is offline
Reflexões de Fim de Ano

Parece uma doença, mas todo fim de ano aparecem aqueles chatos que ficam meio introspectivos (no linguajar aqui dos sertanejos seria “embaitolados”).

Pois é pessoal, o ano de 2009 está chegando ao final e com ele várias previsões apocalípticas e eufóricas. O certo é que ninguém pode negar que foi um ano de uma alta muito expressiva.

Enquanto preparava aqui uma prévia de minha avaliação mensal (que em dezembro ainda coincide com uma trimestral, semestral e anual) estava pensando que neste ano foi difícil alguém não ganhar dinheiro... por pior que o cara seja no mercado.

A grande questão é que nestes momentos ficamos mais vulneráveis às crises de autoconfiança excessivas, o que pode nos levar a pensar que pegamos “a manha” do negócio, que não somos o Lula, mas somos “o cara”. Isso até me lembra o trecho de uma música: “... será que todo dia vai ser sempre assim?” (quando eu faço isso sempre me lembro do Poly, o Rei das frases musicais hehehe).

Já vi várias vezes uma frase que diz: “Quando a gente pensa que sabe a resposta, o mercado muda a pergunta”. Quem já é mais velho de estrada no mercado sabe bem como é esse tipo de coisa (o que não é o caso deste bebê que vos escreve).

Conversando com vários motoristas experientes ouvi algumas vezes que, quando a gente dorme ao volante é muito comum sonhar com a estrada e daí fica muito fácil acordar apenas quando já estamos fora dela ou quando algo pior aconteceu. Não, eu não entrevistei nenhum dos que não acordaram.

Falar, todo mundo fala: “Siga a tendência!”.  Mas será que em alguns momentos não estamos enxergando uma tendência apenas dos nossos sonhos, aquela que nós queremos ver? Colecionando as notícias que nos agradam e lendo nos gráfico as figuras e padrões que apóiam a nossa posição?

Esse texto não se relaciona ao momento que estamos vivendo agora. Não estou visualizando 67k, 70k, 200k ou qualquer outro nível enquanto escrevo, mas apenas penso que os momentos difíceis virão mais cedo ou mais tarde. Considero pessoalmente que esse ano foi muito bom e também não vi ninguém queixando de prejuízo (se bem que parece que quase todo mundo aqui ganhou dinheiro até no segundo semestre de 2008), mas eu me pergunto se não estou ficando “mal acostumado”. Esse tipo de situação seria muito mais perigosa para pessoas com meu perfil, que ficam "bull" com mais facilidade.

Peguei alguns gráficos aqui e comecei a rabiscar o lado direito com algumas hipóteses e me perguntei o que eu faria para cada um dos casos, se estaria pronto, se tiraria proveito da situação, se eu teria um “Plano B” para os trades que fluíram contra minhas convicções. Isso me fez pensar que talvez eu tenha relaxado no planejamento de alguns trades, que apesar de tudo foram bem sucedidos pelas circunstâncias que vivemos atualmente.

Não, eu não bebi e sei que hoje ainda é dia 12, mas mesmo assim eu desejo um 2010 de muita prudência e prosperidade para todos os companheiros aqui do fórum.


Seagull
imagem de Seagull
Posts: 6031
Joined: 2008-01-22
User is offline
Re: Reflexões de Fim de Ano

Boa Lopes. Suas reflexões são uma aula para todos que acompanhamos o mercado.

Esses questionamentos passam pela cabeça de qualquer um, principalmente em um momento de "balanço" dos resultados auferidos. Não que a virada represente alguma mudança, ela é apenas um marco cronológico em um mercado contínuo.

O importante é que de cada estratégia (vitoriosa ou não) a gente tenha assimilado experiência para as próximas. Tudo muda, a economia, os ciclos, nossa capacidade financeira, então temos que evoluir naquilo que é nosso maior patrimônio: o conhecimento.

E buscar aperfeiçoar nossas falhas, na maioria das vezes causadas por ruídos que interferem no raciocínio, e afetam o controle emocional. Relaxar nunca. Mas procurar estar sempre confortável nas posições assumidas ajuda muito, nos saldos da conta, e na qualidade de vida - que também tende a ser mais longa, quando estamos satisfeitos com o desempenho, atingimos nossos objetivos, e evitamos cargas desnecessárias de stress.

Quanto ao futuro das bolsas, podemos estimar, mas não há nenhuma certeza. Certo mesmo devemos estar daquilo que pretendemos fazer em um caso ou outro. Para isso é muito bom sermos flexíveis, e considerarmos sempre um plano alternativo, seja, B, C ou D. Então trocar de ponta não é sinal de fraqueza, e sim de humildade e inteligência perante este mercado soberano.

Se tudo muda, não faz sentido ficarmos reféns de nossas convicções. Aperfeiçoar as técnicas, e fortalecer a autoestima é um grande avanço. Mesmo que seja preciso errar, assumir um prejuízo (pequeno) faz parte... até bem pouco tempo eu não conhecia ninguém que nunca tivesse perdido - pelo menos uns trocados - na bolsa. Sei de muita gente grande que perdeu bastante - principalmente na fase de aprendizado- mas com estudo e dedicação conseguiu ganhar mais ainda depois. Mas toda regra tem sempre uma exceção!

Abs ^v^

polycrav
imagem de polycrav
Posts: 2672
Joined: 2008-07-03
User is offline
Re: Reflexões de Fim de Ano
 
Ótimas palavras Lopes. Sensatas e oportunas para o momento.
 
Nada melhor do que prudência em tudo que se faz. Sempre!
 
De resto, estudos e vivência. A maturidade (em todos os sentidos) é uma poderosa aliada no mercado. E, aproveitando o seu "mote" das "frases musicais" aproveito para dizer (com a licença do Russo) que me lembro bem da fase quando o que eu mais queria era provar pra todo mundo que eu não precisava provar nada pra ninguém! (e éramos todos jovens!)

Hoje não quero provar absolutamente nada para ninguém, nem pra mim mesmo (que fase boa!) rs. Serenidade... afinal não sou mais tão criança a ponto de saber tudo!

Já não me preocupo se eu não sei porque as vezes o que eu vejo quase ninguém vê.

Mas é bom nunca esquecer que: mentir pra si mesmo é sempre a pior mentira!

Lembrem-se disso.

Poly

Seagull
imagem de Seagull
Posts: 6031
Joined: 2008-01-22
User is offline
Re: Re: Reflexões de Fim de Ano

Eu gostei tanto das mensagens que vou dedicar um tempo depois para editá-las em um artigo.

Seria muito legal se mais colegas se disponibilizassem a dar o seu depoimento:

Como foi o ano de 2009 para você?

Podem escrever com toda liberdade, abordando aspectos técnicos, resultados financeiros, evolução pessoal, aprendizado, surpresas, vitórias, decepções, tudo aquilo que considerarem relevante.

Então, abro o espaço aqui no próprio fórum, ou, se preferirem sigilo - sem que o relato tenha sua identificação no artigo, podem escrever diretamente para mim em PVT, pelo meu email de contato:

De antemão eu agradeço e parabenizo a todos pelo excelente nível de participação aqui no MI.

Abs ^v^

polycrav
imagem de polycrav
Posts: 2672
Joined: 2008-07-03
User is offline
2009 foi Small
A pedidos do nosso "comandante", escreverei algumas palavras sobre esse ano que termina.
 

 

2009 foi Small

2009 foi, sem dúvidas, um ano de muito aprendizado, assim como os anos anteriores. Entretanto, dois fatores contribuíram para que 2009 fosse um ano muito especial para esse que vos escreve: O fim do mundo (que começou em 2008) e o MI. O primeiro fator foi decisivo para fazer evoluir meu controle emocional e minha estratégia de investimentos e o segundo para o meu crescimento, conhecimento e principalmente pelas amizades construídas.

A minha passagem pelo “fim do mundo” teve com principal efeito colateral sobre a minha “personalidade”, o deslocamento para o quadrante fundamentalista (vide gráfico) e o relacionamento mais intenso com as Small Caps. Ou seja, migrei gradativamente do quadrante 1 para o 2 do gráfico abaixo. A análise fundamentalista passou a ter um maior peso nas minhas decisões, assim como, concomitantemente, adentrei de forma mais incisiva no fascinante mundo das Small Caps.

O namoro com as Small Caps já vinha de algum tempo, assim como as tendências fundamentalistas (essas últimas incrustadas na minha personalidade). O “fim do mundo” contribuiu para que eu desenvolvesse uma técnica de garimpagem mais detalhada e cuidadosa para seleção dos ativos. Dessa forma, a seleção passou a ser feita baseada fortemente em critérios fundamentalistas com uma redução gradativa do peso do fator liquidez nas decisões. Iniciava-se assim o processo de “distanciamento” das Blue Chips em oposição a crescente proximidade com as Smalls. Com esse aumento da “alma fundamentalista” a nossa querida AT passou a ser utilizada como uma ferramenta de suporte para definir as entradas e saídas dos ativos selecionados, quando for o caso. Faço essa ressalva porque em alguns casos (alto DY% associado a um ROE elevado, por exemplo) a sociedade poderá se prolongar por alguns anos ou mais! Nesse caso, a AT pode funcionar apenas como um sinalizador para aumentar (ou não) posições.
 
Diante dessa nova postura, associado ao surgimento do mar de oportunidades que se descortinou nesse ano, foi possível ir aos poucos garimpando as “jóias” que estavam a preço de liquidação. Dessa lista posso citar BICB4, POSI3, FESA4, CREM3, FHER3, HBOR3, MYPK3, SULA11 dentre outras que possibilitaram ganhos verdadeiramente fantásticos (até impensáveis!) para o meu portfólio em 2009.
 
O efeito da “catástrofe” que se abateu sobre as cotações de muitas ações permitiu entradas fenomenais, assim como reforço em posições já firmadas anteriormente, antes do “fim do mundo”. Nessa outra lista brilham: GETI4, COCE5 e ELPL6.
 
Outro efeito importante do “fim do mudo” foi na minha postura e controle emocional. Aprendi a enfrentar as tempestades com mais serenidade e confiança na estratégia adotada. Fiquei, sem dúvida, menos vulnerável às oscilações momentâneas de preços, ao efeito manada e a outros tantos fatores psicológicos que insistem em nos perseguir. Nesse ponto, 2009 foi uma verdadeira aula! Eu sei que nós aprendemos em qualquer ano, em qualquer momento, mas em função de sua característica peculiar, 2009 foi realmente um ano especial nos quesitos aprendizagem, evolução e ganhos financeiros.
 
Finalmente, lamento por quem perdeu a festa de 2009. Situação semelhante nos anos recentes, só aconteceu em 2003 após outro “fim do mundo” (parcelados em 3 anos). Dificilmente teremos outra festa dessa nesses próximos anos. Quem aproveitou ótimo, quem não aproveitou fica o aprendizado.
 
Por oportuno, gostaria de aproveitar o momento para expressar o meu agradecimento ao Seagull por criar e manter esse espaço de aprendizado, divulgação de idéias e notícias e troca de informações, com custos pessoais de dedicação, tempo e financeiro. O MI proporcionou-me ótimos momentos de aprendizado e troca de informações, além de possibilitar o contato construtivo e a amizade com grandes figuras como Coronel, Major Max, Marreta, Lopes, Profiter, Uncle, Bispo, Paulo, dentre outros que posso estar esquecendo aqui. A você Seagull, obrigado por sua amizade e confiança. Sem dúvida, a amizade com uma pessoa do seu caráter, postura, educação e conduta foi um dos grandes privilégios que tive em 2009.
 
Saúde e um Feliz 2010 para todos. Sob a ótica financeira, desejo que 2010 seja pelo menos a metade de 2009.
 
2009 foi Small, Small Caps.
2009 foi Small, podia ter durado mais! Rs
 
Abraços,
 
 

 

CSInvest
imagem de CSInvest
Posts: 165
Joined: 2009-11-30
User is offline
Re: 2009 foi Small

Muito bom o material Poly, 

Realmente as SMALL surpreenderam, e vejo que dei pouca atenção a elas.

Quanto as palavras ao Seagull, ele merece os elogios com certeza.

[Christopher Siqueira]

Seagull
imagem de Seagull
Posts: 6031
Joined: 2008-01-22
User is offline
Re: Re: 2009 foi Small

Show de bola Poly. Fico realmente lisonjeado com suas palavras gentis, e reconheço seu enorme mérito.

Poder acompanhar a evolução da sua performance foi um privilégio de todos os amigos aqui do MI.

Felizmente 2009, que se pronunciava sombrio, surpreendeu qualquer expectativa, e depois do aprendizado no ano anterior, foi um período de colher grandes recompensas.

De minha parte, só tenho que retribuir todo a amizade e parceria, e dedicar os melhores votos para que este processo se mantenha em uma crescente, e possamos usufruir de tudo que é bom e a bolsa pode nos proporcionar, como traders, investidores e seres humanos da mais alta qualidade.

Forte abraço

^v^

polycrav
imagem de polycrav
Posts: 2672
Joined: 2008-07-03
User is offline
Re: Re: Re: 2009 foi Small
 
Obrigado Márcio.
Tem sido um prazer esse convívio construtivo no MI.
Ainda temos muito (projetos) para conquistar e construir.
 
A frase de 2009 é: A razão venceu o medo!
 
Grande abraço,

 

Paulo
imagem de Paulo
Posts: 265
Joined: 2009-03-19
User is offline
Reflexões 2009

Fim de ano, festa para encerrar o que passou. O ano de 2009 foi de prosperidade pra mim. No lado pessoal, consegui cumprir a maioria dos objetivos traçados. Levei uma vida um pouco desregrada, o que me trouxe consequências para mudanças de hábitos neste trimestre final, mas que só tendem a melhorar , ou recuperar, minha vida e saúde.

 No lado profissional, e é como encaro administrar meu dinheiro e patrimônio, além do fato de ter entrado no MI, o ano foi de uma experiência única.

 Aliás, posso destacar que 2009 não foi um ano sozinho, deve ser lembrado sempre em conjunto com 2008, no que tange ao assunto investimentos.

 Quem participou destes dois anos, não importando o tempo que atua no mercado financeiro, teve oportunidade de vivenciar uma experiência que, no mínimo, ajudou a amadurecer o perfil e agregar seu portfólio.

 Uma lição é certa, não se deve temer o amanhã, mas aprender a mudar a estratégia de acordo com a dificuldade ou o momento que o mercado direciona.

 Notadamente, com o auxílio dos colegas do MI, o caminho ficou mais fácil para não só recuperar as perdas da grande queda de 2008, como também multiplicar os ganhos.

 Acabei alterando um pouco meu perfil de investidor. Antes, fazia mais swings (com exceção dos ativos bons de dividendos), e menos position. Escolhia as ações com mais atreladas as comodities.

Este ano, aprendi a colocar em prática a paciência oriental que recebi como dom, e consegui aumentar os ganhos com maior tempo de permanência em um ativo, menos giros e melhor seleção de aportes. Não me tornei um buy n hold, mas mudei um pouco o número de boletos.

 O melhor de tudo foi poder compartilhar estas experiências passadas e observar perfis diferentes, dentre os quais pude extrair novas idéias e aplicações para a manutenção da carteira com bons retornos. Ainda me lembro de um post do buracoinvest, do começo do ano, em que ele questionava se seria melhor esperar os ativos voltarem ao seu preço, ou executar o prejuízo e buscar a recuperação em outros ativos, e expus minha estratégia do ano passado pra esse ano.

 É importante destacar o quanto é interessante e muito bacana poder participar desse seleto grupo, pois pessoas que sequer se conhecem pessoalmente (no meu caso), conseguem ter simpatia pelas outras apenas com a troca de informações e experiência por um fórum de internet.

 Agradeço a todos que agregaram mais conhecimento neste ano, Poly, Sea, Marreta, Abaco, a2fon, Mac Max, Murphy, cimino, (e os demais, porque não dá pra citar todo mundo) etc.

 Este é só um pouco do sentimento que ficou de 2009 fazendo parte do Monitor Investimentos. E que venha 2010, 2011, 2012, e enquanto vivermos.

 Desejo a todos um feliz natal, reunido com a família, bem como aqueles que importam e amam, assim como uma excelente passagem de ano. Não se esqueçam, investir é importante, mas curtir a vida não faz mal a ninguém, já que caixão não tem gaveta. RS.

 Grande abraço.

Seagull
imagem de Seagull
Posts: 6031
Joined: 2008-01-22
User is offline
Re: Reflexões 2009

Maravilha Paulão!

Sua presença também é um importante fator, que contribui bastante nos estudos que compartilhamos.

Fica claro no seu depoimento, que você soube aproveitar as maiores qualidades de cada participante do MI. E este mérito é seu... filtrar aquilo que se adapta ao seu perfil, e aprimorar as técnicas para suas estratégias e evolução pessoal. E acima de tudo: lidar com os próprios erros, aprendendo com eles.

Sabendo que o conhecimento e a experiência só aumentam, podemos esperar anos gloriosos pela frente.

Obrigado pela força de sempre e um grande abraço ^v^

 

Opções de exibição de comentários

Escolha seu modo de exibição preferido e clique em "Salvar configurações" para ativar.