Aprendizados

Mercado Futuro de Índice Bovespa

13/07/2008


Mercados Futuros são mercados organizados, onde podem ser assumidos compromissos padronizados de compra ou venda (contratos) de uma determinada mercadoria, ativo financeiro ou índice econômico, para liquidação numa data futura preestabelecida.

O risco no mercado pode ser dividido para fins de análise, em dois tipos: sistemático e não-sistemático. O risco não-sistemático está ligado a acontecimentos que afetam um setor ou empresa isoladamente. Neste caso, uma estratégia para diversificar o patrimônio entre ações de setores/empresas diferentes minimiza o risco em relação
àqueles quem mantêm posições concentradas em poucas ações.

O risco sistemático é atribuído a fatores que afetam o mercado de ações como um todo. Em geral, os fatores macroeconômicos – taxa de juros, política monetária, inflação, desempenho da economia – afetam os preços de todas as ações. Este tipo de risco não pode ser coberto com a diversificação das ações, por maior que seja o portfólio.

O mercado futuro de índice de ações fornece aos investidores a oportunidade de reduzir o risco sistemático.

O índice Bovespa – Ibovespa – é o mais importante índice de ações elaborado no país, sendo formado e calculado na Bolsa de Valores de São Paulo e negociado, a futuro, na BM&F.

Especificações de contratos futuros Ibovespa:

1- Objeto de negociação: Índice de ações da Bolsa de Valores de São Paulo (Índice Bovespa – Ibovespa).

2- Cotação: Pontos do índice, sendo cada ponto equivalente a R$ 1,00. Valor estabelecido pela BM&F.

3- Variação mínima de apregoação: 10 pontos.

4- Oscilação máxima diária: 5% sobre o valor do terceiro vencimento em aberto, calculados sobre o preço de ajuste do pregão anterior.

5- Unidade de negociação: Ibovespa futuro multiplicado pelo valor em reais de cada ponto do índice,estabelecido pela BM&F.

6- Meses de vencimento: todos os meses pares.

7- Número de vencimentos em aberto: no máximo seis.

8- Data de vencimento e último dia de negociação: quarta-feira mais próxima do dia 15 do mês de vencimento. Se esse dia for feriado ou não houver pregão na BM&F, a data de vencimento será o dia útil subseqüente.

9- Day trade: são admitidas operações de compra e venda para liquidação diária (day trade), desde que realizadas no mesmo pregão, pelo mesmo cliente (ou operador especial), intermediadas pela mesma corretora de mercadorias e registradas pelo mesmo membro de compensação. Os resultados auferidos
nessas operações são movimentados financeiramente no dia útil seguinte ao de sua realização.

10- Ajuste diário: As posições em aberto no final de cada pregão serão ajustadas com base no preço de ajuste do dia, determinado pela média ponderada das cotações dos negócios realizados nos últimos 30 minutos do
pregão, conforme regras da bolsa, com movimentação financeira em D+1.

O ajuste diário será calculado de acordo com as seguintes fórmulas:

a) ajuste das operações realizadas no dia:

AD = (Pat – PO) x M x n

b) ajuste das posições em aberto no dia anterior:

AD = (PAt – PAt-1) x M x n, onde:

AD = valor do ajuste diário;
PAt = preço (em pontos) de ajuste do dia;
PO = preço (em pontos) da operação;
M = valor em reais de cada ponto do índice, estabelecido pela BM&F;
N = número de contratos;
PAt-1 = preço (em pontos) de ajuste do dia anterior.

11- Margens de garantias: Valor fixo por contrato, estabelecido com base na volatilidade do índice em referencia. A margem de garantia é devida em D+1.

12- Ativos aceitos como margem: dinheiro, ouro, cotas do FIF e, a critério da Bolsa, títulos públicos e privados,cartas de fiança, apólices de seguro, ações e cotas de fundos fechados de investimento em ações.

13- Custos operacionais:

a. Taxa operacional básica: operação normal é cobrado 0,25% e day trade 0,15%. A taxa operacional básica, sujeita a valor mínimo estabelecido pela bolsa, é calculada sobre o preço de ajuste do pregão anterior do primeiro vencimento em aberto.

b. Taxa da bolsa (emolumentos e fundos): 2,93% da taxa operacional básica.

c. Taxa de registro: valor fixo divulgado pela BM&F.

 





Confira também o nosso FAQ (Questões mais Frequentes).